9 de maio de 2012

Barrinhas de frutos secos

Aprendi a lição: o corpo sabe quando é altura de parar, e quando não o respeitamos ele pára-nos à força! Mas como quem dança por gosto não cansa, pensa-se nos avisos mais tarde e ouve-se apenas a vontade de continuar. Agora, de pé ligado e umas muletas bem jeitosas( ou não) para andar, resta-me o orgulho de ter cumprido o meu objectivo e estas maravilhosas barrinhas de frutos secos para ajudar a recuperar o corpo e apaziguar a mente que já está só pensa em voltar a dançar outra vez.



Estas barrinhas são riquíssimas em minerais e bem mais saudáveis que as de compra. Pode usar os frutos aqui sugeridos ou outros que tenha em casa.
Como não têm cereais são óptimas para dietas sem glúten, além de serem livres de açúcares refinados.
Conservam-se bem, mas pode colocá-las no frigorífico e ir tirando à medida que bate a vontade de um lanchinho.


Barrinhas de frutos secos sem cereais
( rende cerca de 12 barrinhas)

1 chávena de nozes ou amêndoas picadas
1 chávena de frutos secos picados ( passas, alperces, tâmaras...)
2 chávenas de côco ralado (sem açúcar)
1/4 de chávena de óleo de girassol de boa qualidade
1/2 chávena de mel ou xarope de ácer
1 colher de café de extracto de baunilha
sal
canela


Numa tigela juntar e misturar os frutos secos, o côco, e as nozes.
Levar ao lume num tacho anti-aderente, o óleo, o mel, a baunilha e a canela até começar a ferver.
Retire do lume e envolva nos frutos secos.
Coloque a mistura num tabuleiro untado ligeiramente.
Com um papel vegetal pressione bem a mistura até estar bem compacta. Quando achar que já está compacta, volte a pressionar outra vez! Pode usar a base de um copo para ajudar.
Leve ao frigorífico pelo menos 4h até estar bem firme e depois corte em barrinhas.

Bom apetite!


11 comentários:

  1. Sara, espero que melhores muito rapidamente e que voltes depressa para ao pé de nós :)
    E com umas deliciosas barrinhas destas não tenho dúvidas que recuperarás em menos de nada :)
    P.S. E as fotos estão cada vez melhores ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado Su!
      Assim até fico corada!
      Um abraço

      Eliminar
  2. Mandei-te um mail mas entretanto a Bárbara já nos contou o que se passou contigo. Força nessas barritas e põe-te boa depressa.
    Beijinhos :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oioioi :D que boa visita
      ainda tou manca mas estou desejando lá ir para dar uma espreitadela! Já tenho as entranhas às voltas para voltar.
      Ps. Adorei o teu blog, fartei-me de rir

      Obrigado, um grande beijinho

      Eliminar
  3. Oi Sara, que lindas barrinhas! Até fazem crescer água na boca.Adoro as tuas receitas. Continua a publicar. Um beijinho grande-

    ResponderEliminar
  4. Huuuum! Que delícia! Fiz como ensinou, com amêndoas, tâmaras, damascos e uvas secos. As barrinhas acabaram no mesmo dia, quase que o pessoal de casa não deixou nada para mim! Porém, ficaram quebradiças, talvez porque piquei os ingredientes em pedaços muito grandes.
    Com certeza vou repetir a receita! Obrigada :-)

    ResponderEliminar
  5. Que bom que fez e foram um sucesso!
    Um belo lanche para todos. Podem ter ficado quebradiças por os bocados terem ficado demasiado grandes ou por falta de ingredientes liquidos (óleo ou xarope de ácer)

    Um grande beijinho

    ResponderEliminar
  6. Que bom aspeto! Com estas barrinhas de certeza que ficas boa num instante :)
    Beijinho

    ResponderEliminar
  7. Pode-se usar açúcar mascavado em vez de xarope de ácer? Queria mesmo fazer estas barras mas não tenho xarope de ácer. obrigada

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Ana,
      se n tiver xarope de ácer use mel, o açúcar mascavado não vai ajudar a ligar os frutos secos e provavelmente vão esfarelar-se mais.
      Mas pode tentar, depois diga como correu.
      bjinhos

      Eliminar

LinkWithin

”related