31 de março de 2013

Tarteletes de morango, para uma Páscoa sem açúcar, glúten e lactose

Muito provavelmente já não vou a horas de sugerir uma sobremesa para a Páscoa, mas o tempo não joga a  meu favor. Como diz  sabiamente a minha mãe "quando se tocam muitas coisas para a frente, alguma acaba por ficar para trás".
Mesmo assim, ainda consegui tirar a tarde para cozinhar um docinho para esta ocasião.
Sou normalmente eu quem faz as sobremesas nestas alturas, e na Páscoa faço sempre folar, ou uma tarte de amêndoas, ou um ninho, mas este ano queria algo diferente. Queria adoçar a boca à família mas com uns miminhos mais saudáveis. Como ninguém se opôs tive carta branca para criar à vontade.
Claro que a responsabilidade é ainda maior, porque não bastava ser saudável, tinha que ser realmente bom e agradar a todos, mesmo àqueles que não estão habituados a estes sabores um pouco diferentes.



Deixei-me levar pela imaginação, e  inspirada daqui e dali, sairam estas tarteletes de morango. Consegui adaptar o creme de pasteleiro de modo a que ficasse menos calórico e com menos hidratos de carbono. Não foi fácil, mas com paciência consegui chegar a uma versão bem saborosa que nada deve à original.
O resultado final foi muito bom. Foram aprovadas por todos, mesmo pelos mais desconfiados, e a sobremesa de Páscoa que é normalmente bem calórica, foi substituída por estas maravilhosas tarteletes, baixas em hidratos de carbono, sem açúcar, sem glúten e com baixo índice glicémico. Que podemos pedir mais?
Posso não vir a  tempo da Páscoa, mas depois de provar estas tartes não vai ser precisa nenhuma ocasião especial para as fazer.





Tarteletes de morango com creme de pasteleiro
(para 2 a 3 tartes, conforme o tamanho da forma)

Base

30g de farinha de coco
70g de farinha de amêndoas ( ou amêndoas raladas finamente)
1 colher de sopa de geleia de agave
2 colheres de sopa de óleo de coco ou margarina vegetal
1 ovo
1 colher de chá de extracto de baunilha
pitada de sal

Numa tigela misture os ingredientes secos. Junte o ovo, o óleo de coco e a geleia. Amasse tudo.
Envolva em película aderente e leve ao frigorífico durante 1 hora.
Ligue o forno a 180ºC.
Forre as formas com a massa, com cerca de 1 cm de espessura, e leve ao forno durante cerca de 30 minutos.
Deixe arrefecer e desenforme.
Depois de frias encha-as com o creme de pasteleiro.

Creme de Pasteleiro

250 ml de leite de soja sem açúcar
1 vagem de baunilha
2 gemas
20 g de farinha de araruta
40g de geleia de agave
2 colheres de sopa de frutose

Aqueça o leite com a vagem de baunilha.
Bata as gemas com a frutose e a geleia . Junte a farinha de araruta.
Deite um pouco do leite quente no creme das gemas e bata. Vai começar a engrossar.
Junte ao restante leite e leve ao lume até estar com a consistência desejada. Atenção que mesmo fora do lume engrossa mais um pouco.

Para decorar

Uma vez que a decoração é feita com frutos frescos, sugiro que decore na hora de servir.

morangos partidos
mirtilos (opcional)

Coloque o creme nas bases e decore-as com os morangos partidos e os mirtilos.

Bom apetite!

11 comentários:

  1. Mas que lindas tarteletes! Devem ter feito sucesso no almoço de família, não?
    Achei interessante a adaptação ao creme de pasteleiro, bem mais saudável do que o original ;)

    Espero que tenhas tido uma boa Páscoa, beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Que bom aspeto... adorei a tua versão do creme de pasteleiro :)
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  3. Antes de mais, a apresentação está um encanto. Em segundo, fiquei com imensa vontade de experimentar a tua versão do creme de pasteleiro :D

    P.S. - Tu deste a dica que eu devia colocar a receita do Folar... e olha, eu pus. Mas prepara-te, aquela coisa leva... 10.. sim 10 ovos! LOL, mas que é bom, lá isso é :P

    P.S.2 - estou toda dorida hoje... tu também estás?! :P

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado Su!!!

      Já vi a receita, lolol, realmente são mtos ovos, mas está lindo!!!

      E sim, estou tda partida ! :P

      Bjs

      Eliminar
  4. Sara, ficaram perfeitas!
    Se podemos comer mais saudável sem perder o sabor e gula, porque não?
    Eu arriscava e provava com gosto, tenho a certeza que são deliciosas.
    Gostei das tuas adaptações :) Beijinho.

    ResponderEliminar
  5. Ola Sara
    Uma sugestão muito interessante e eu sou moça para experimentar, agora diz-me ums coisa, onde se compra a farinha de araruta? nunca ouvi falar
    Outra coisa, o coco não é muito calórico?

    Bjkas
    Sabores leves

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. olá lena, podes comprar a farinha d araruta nas lojas de produtos naturais. funciona de forma semelhante ao amido de milho, mas é mais natural.
      em relação ao coco, acho bom q tenhas poston essa questão.
      Realmente é calórico, assim como são as amêndoas, as nozes, os abacates...mas as calorias vêm de gorduras "boas", q dentro de uma alimentação equilibrada n fazem engordar, pelo contrário, podem ajudar em regimes de emagrecimento porque saciam bastante. Além disso a quantidade de H. carbono é mínima, bem como o índice glicémico, por isso só tens a ganhar

      Bjs

      Eliminar
  6. Sarinha,

    Estou encantada, estão lindas!!
    E com esse creme de pasteleiro mais saudável, não tenho duvida que
    fizeram um enorme sucesso.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. mto obrigado minha querida!

      esta mm mto bom!

      um bjinho

      Eliminar

LinkWithin

”related