4 de fevereiro de 2016

Bolinhas de millet e limão (vegan, sem glúten, sem açúcar). Millet truffles

{scroll down for english version}

Há aqueles alimentos pelos quais temos uma paixoneta especial. Aqueles a que recorremos sempre quando não sabemos o que fazer para o jantar, ou quando não há nada que nos apeteça. Aqueles que até podem não ser nada de especial para os outros mas que para nós são perfeitos. O millet é para mim um destes alimentos.
Gosto dele cozido e simples, gosto salteado com legumes, em granola (veja aqui a receita), gosto na sopa... para mim o millet está sempre bem.
Não é um alimento com um sabor muito marcado, é verdade, mas talvez seja isso que o torna tão especial. O seu sabor suave combina bem com tudo e fica bom quer em pratos salgados como em doces.
Além disso é um cereal que não me canso de gabar pelas suas propriedades. Não é a primeira vez que falo delas aqui no blog mas há ainda muita gente que não o conhece e não sabe que além de delicioso o millet também pode ser terapêutico.
É o cereal por excelência do estômago. Se há problemas neste orgão, a primeira escolha para comer deve ser o millet. Como é alcalino e muito fácil de digerir, ajuda a acalmar a acidez e o ardor que tantas vezes se se sentem.
É rico em fibras, relativamente proteico, muito remineralizante, e uma boa opção para quem não consome glúten.  Além disso, pode ser dado a bebés, a partir dos 4 meses em papas ou na sopa para variarem um pouco do arroz .
A ideia de utilizar o millet para fazer pequenas bolinhas, quase umas trufas, pareceu-me genial. São adoçadas apenas com tâmaras e para dar um toque especial usei um pouco de sumo de limão. Podemos levá-las para um lanche ou petiscar quando apetece um miminho. Perfeitas, irresistíveis, muito suaves, comem-se com tanta facilidade que rapidamente vemos a caixa a ficar vazia.

Bolinhas de millet e limão
(rende cerca de 20 bolinhas)

150g de millet cozido
180g de tâmaras sem açúcar (pesadas sem caroço)
100g de farinha de aveia
2 colheres de sopa de sumo de limão
raspa de 1 limão
1 colher de sopa de geleia de arroz (opcional)
1 pitada de sal fino

Para decorar:
coco ralado q.b.

Coloque todos os ingredientes na picadora, excepto o coco ralado e pique até obter uma pasta homogénea.
Verifique se necessita de mais sal ou mais limão. Se quiser acrescente uma colher de geleia de arroz.
Leve ao frigorífico durante 20 minutos para ficar mais firme.
Retire, faça bolinhas e passe-as pelo coco ralado.
Guarde-as numa caixa fechada no frigorífico.
Recipe in English

Lemon millet truffles
( yields about 20 balls )

150g of cooked millet
180g of pitted dates 
100g of oatmeal
2 tablespoons of lemon juice
zest of 1 lemon
1 tablespoon of brown rice syrup (optional )
1 pinch of salt

To decorate :
grated coconut 

Place all ingredients in food processor except the coconut. Process until smooth.
Check if you need more salt or more lemon. If you want,add some brown rice syrup.
Refrigerate for 20 minutes until firm.
Roll into balls and roll them in grated coconut .
Store in a box in the refrigerator.

(recipe adapted from here)


15 comentários:

  1. Também gosto muito de millet, em doces nunca usei.
    Achei essas bolinhas tão lindas e com aquele aspecto de quero mais.

    ResponderEliminar
  2. É coisa que ainda não tive oportunidade de provar por isso essa receita fica já na lista pois é a primeira receita doce que vejo com millet! Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Também gosto de Millet e no Verão em saladas é um espectáculo porque absorve os sabores e fica muito bom.
    Estas trufas são uma ideia muito gira para algo mais leve e sem tanta culpa...

    bjokas
    Rita

    ResponderEliminar
  4. Nunca experimentei Millet. Deixou-me curiosa quanto ao sabor, mas se diz ser leve deve ser bem tolerado até pelos mais esquisitos. Gostei da sugestão para mim ou até para o meu filho de 13 meses. Acho que se adapta bem a ele, pois é uma receita saudável e equilibrada. Obrigada pela excelente partilha.
    Bjinhos e bom fim-de-semana.

    Tânia Tiago
    http://bimbysaboresdavida.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  5. Olá Sara,gosto de millet e foi daqui que aprendia cozinha-lo! Obrigado pelas receitas que são fantásticas!!AH e quanto à receita desta semana, adorei dá vontade tirar uma bolinha :)

    ResponderEliminar
  6. Excelente ideia, mas tenho 2 dúvidas: As tâmaras são para demolhar ou usam-se secas? Sendo um cereal, a aveia não deve ser cozinhada para ser digesta? Obrigada.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá liliana, as tâmaras são secas e sem açúcar. Eu gosto de usar medjool porque são mais carnudas e húmidas.
      Realmente se há muitos problemas digestivos a aveia deve ser cozida, no entanto acredite que estas trufas se digerem muito bem, até porque a quantidade de aveia é pequena e é em farinha. Se não quiser arriscar sugiro que use farinha de coco. Não sei a quantidade certa, será bem menos, por isso vá juntando pouco a pouco até ter uma boa consistência.
      Beijinhos

      Eliminar
    2. Obrigada!
      Eu faço muitas vezes esta receita com farinha de côco.. ficam divinais! Cá em casa somos viciados nelas e até a minha bebé adora!!

      Eliminar
  7. Sendo assim, acho que tenho de experimentar millet! Nunca usei em nada :) Essas bolinhas ficaram mesmo adoráveis :D

    ResponderEliminar
  8. Que boas Sara!
    Gosto muito de millet e desconhecia essas propriedades para o estômago, é bom saber.
    E melhor ainda era provar uma dessas bolinhas!
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
  9. Que boa ideia! Adoro millet mas nunca me tinha lembrado de o usar em doces. Vou experimentar de certeza. Obrigada pela partilha!

    ResponderEliminar
  10. Minha querida, adorei estas bolinhas, devem ser mega deliciosas :) Tenho que experimentar!

    Beijinhos
    Joana

    ResponderEliminar
  11. Que delícia, parecem ser óptimas. Vou fazer!! :) obrigada pela partilha.

    Beijinhos
    Cátia Marcelino

    ResponderEliminar
  12. Também adoro millet e estava justamente a precisar de algo para comer a meio da mana ou da tarde e não chegar à hora das refeições cheia de fome de modo a evitar petiscar enquanto as vou preparando;esta parece-me ser uma boa solução!
    Mas fiquei com uma dúvida: o millet é pesado antes de cozer, não é? É que não dá jeito nenhum tentar adivinhar a quantidade para obter 150 g já cozido mas aparecem muitas receitas assim!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Cláudia :)
      o millet é pesado depois de cozido, lamento :)
      Mas coza uma chávena de millet com 2 e meia de água, o que sobrar pode sempre comer ao jantar ao pôr na sopa :)
      beijinhos

      Eliminar

LinkWithin

”related